#Produtividade

Modelagem de Processos de Negócios com Workflows Integrados

9/jun/2017 16:49:12 por Equipe fluig

workflows-1.jpgEm qualquer organização, existe um conjunto comum de processos de negócios com workflows integrados essenciais que devem existir para que a organização funcione adequadamente.

Para que esse modelo seja efetivo é preciso, antes de mais nada, entender o que é um processo de negócio,como modelar processos, integrar workflows e muito mais.

Elaboramos este artigo para tirar todas as suas dúvidas sobre esse assunto! Confira o que separamos para você.

O que é um processo de negócio?

Um processo de negócio é uma coleção de tarefas vinculadas que encontram seu fim na entrega de um serviço ou produto a um cliente. Um processo de negócios também é definido como um conjunto de atividades e tarefas que, uma vez concluídas, irão realizar uma meta organizacional.

O processo deve envolver insumos claramente definidos e uma única saída. Esses inputs são constituídos por todos os fatores que contribuem - direta ou indiretamente - para o valor acrescentado de um serviço ou produto. Esses fatores podem ser categorizados em processos de gerenciamento, processos operacionais e processos empresariais de suporte.

Um processo requer uma série de ações para atingir um determinado objetivo. Os processos BPM são contínuos, mas também permitem uma ação ad hoc, assim os processos podem ser simples ou complexos com base no número de etapas, número de sistemas envolvidos, etc.

Eles podem ser de curta ou longa duração, sendo que processos mais longos tendem a ter várias dependências e uma maior exigência de documentação.

A modelagem de processos de negócios é usada principalmente para mapear um fluxo de trabalho para que as pessoas consigam entender, analisar e fazer mudanças positivas nesse fluxo de trabalho ou processo. O uso de diagrama ajuda você a visualizar este processo, otimizá-lo e tomar melhores decisões para seu negócio.

 

Como é feita modelagem de processos de negócios?

Modelagem de processos de negócios, em inglês Business Process Modeling, é uma moderna técnica que evoluiu através de diferentes fases e nomes, começando durante a "divisão do trabalho" do final dos anos 1700.

Nova call-to-action

Em geral, o termo "negócio" no Modelo de Processo de Negócios/ Modelação/ Modelagem é intercambiável com "organização". A Modelagem de Processos de Negócios não é realizada apenas em negócios convencionais. A metodologia é cada vez mais aplicável a todos os tipos de outras organizações, por exemplo agências governamentais e departamentos, instituições de caridade, mútuas e cooperativas, etc.

O Business Process Modeling é um método para melhorar a eficiência e qualidade organizacional. Ele começou com foco em negócios de capital/ lucro, mas a metodologia é aplicável a qualquer atividade organizada.

A crescente transparência, responsabilidade e transformação digital de todas as organizações, incluindo o serviço público e o governo, juntamente com a moderna complexidade e importância da TIC (tecnologia da informação e das comunicações), tende a aumentar a procura de melhoria de processos em todos os lugares.

Simplificando: a Business Process Modeling visa melhorar o desempenho do negócio ao otimizar a eficiência das atividades de conexão no fornecimento de um produto ou serviço.

As técnicas de Modelagem de Processos de Negócio estão relacionadas com 'mapeamento' e 'workflow' para permitir a compreensão, análise e mudança positiva. Diagramas - essencialmente 'fluxogramas' - são uma característica central da metodologia.

A representação diagramática da Business Process Modeling é comumente chamada de 'notação'. Muitos e vários softwares proprietários (programas de computador disponíveis) permitem isso, mas os princípios básicos da Business Process Modeling também podem ser aplicados usando uma caneta e um guardanapo ou um flip-chart ou um monte de notas pegajosas , e em alguns casos estes ainda são ajudas eficazes para criar e comunicar idéias fundamentais. Computadores às vezes ficam no caminho, sobre-complicar coisas simples, e excluir grupos, então escolha seus dispositivos com sabedoria. A Modelagem de Processos de Negócios geralmente precisa do apoio de pessoas para trabalhar na prática.

Enquanto a Modelagem de Processos de Negócios relaciona-se com muitos aspectos da gestão (negócios, organização, lucro, mudança, projetos, etc.), sua natureza técnica detalhada e ênfase nos processos relacionam-se estreitamente com a gestão da qualidade e as abordagens analíticas e responsabilidades decorrentes da melhoria da qualidade.

 Business Process Modeling é uma ferramenta de gestão da qualidade, como por exemplo Six Sigma, e é útil especialmente no gerenciamento de mudanças.

Análise SWOT, Balanced Scorecard e métodos de gerenciamento de projetos fornecem exemplos adicionais de ferramentas de gerenciamento de mudanças, e Business Process Modeling pode ser considerado como trabalhando ao lado desses métodos.

O termo Modelo de Processo de Negócios é a forma substantiva de Modelagem de Processos de Negócios e refere-se a uma representação estrutural, descrição ou diagrama, que define um workflow específico em uma determinada unidade de negócios ou organização.

O que é um workflow integrado?

Vivemos em um mundo baseado em dados. Dados confiáveis podem ser transformados em insights relevantes que, em última instância, ajudam a impulsionar decisões de negócios.

No entanto, os dados não se tornam magicamente confiáveis. A informação precisa ser correlacionada, gerida e misturada em conjunto a partir de uma variedade de fontes, e apesar da automação da plataforma moderna de gerenciamento de dados como um Serviço, as pessoas são uma parte essencial do processo de governança e validação.

Integrar workflow como parte do gerenciamento de processos de negócios (BPM) é um componente crítico do gerenciamento de dados para TI e execução de negócios e gera mais eficiência e menos retrabalho. Em maio passado, a Gartner anunciou que os gastos com suítes de Business Process Management atingiram US $ 2,7 bilhões, à medida que as organizações digitalizam os processos.

Como ter um workflow integrado auxiliando na gestão dos projetos?

As mudanças de dados que impulsionam decisões de processos de negócios, tais como campanhas de marketing, oportunidades de vendas, descontos de preços, níveis de conformidade e contratos de suporte, para citar alguns, são críticas para o negócio e as alterações requerem administração manual.

Existem algumas ferramentas/plataformas no mercado que auxiliam na modelagem de processos de negócios com workflows integrados. Mas é preciso escolher com sabedoria, para ter mais eficiência e menos retrabalho no gerenciamento de processos.

Opte por plataformas que permitem que diferentes soluções sejam criadas e executadas em um mesmo ambiente digital que permeia sua empresa, promov endo eficiência e simplicidade em todas as operações.

A maior salineira do Brasil, a Salinor, por meio do geranciamento de processos conseguiu otimziar toda sua operação logística maritma com workflows acessados por suas embacações em alto mar. CONFIRA!

Para entender mais sobre plataformas digitais e processos de negócios que fazem parte da rotina de TI e transformação digital, confira os materiais “Como ter uma gestão integrada eficiente com a unificação em processos corporativos” e  “Projetos de TI: Pesadelo ou Solução?”.

  

Equipe fluig

Equipe fluig

Fique ligado e acompanhe o nosso blog.